SIC esclarece série crimes violentos praticados em Luanda - Na Mira do Crime
Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

Mototaxistas tentam invadir Comando Municipal de Viana Sexo e bebedeiras no posto de Polícia: Agente da polícia espanca namorada no interior da esquadra Sobrinho que matou o tio por causa de 2 milhões de kwanzas condenado a 20 anos de cadeia Oito meses de Cadeia: Tribunal do Dande condena grupos de bandidos envolvidos em rixas
×

SIC esclarece série crimes violentos praticados em Luanda

SIC esclarece série crimes violentos praticados em Luanda


O Serviço de Investigação Criminal (SIC), procedeu, nesta terça-feira, 21, a apresentação de cinco cidadãos, implicados nos crimes de homicídios ocorridos nos municípios de Cacuaco, Cazenga e bairro Prenda.

 Por: Geraldo José Letras

De acordo com Fernando de Carvalho, director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do SIC-Luanda, foram desmanteladas duas associações de malfeitores, uma em Cacuaco, composta por seis elementos, dos quais três já se encontram detidos, e uma outra no município do Cazenga, composta por 7 indivíduos dos quais 1 está detido, arrolados num crime de duplo homicídio.

No bairro Prenda, informou o oficial, foi detido um cidadão que matou a sua esposa a pancada por ciúmes.

 "A rede de 6 indivíduos dos quais 3 já se encontram detidos, está implicada no crime de duplo homicídio no bairro Paraíso, em Cacuaco, distrito urbano dos Mulenvos, em que foram vítimas dois cidadãos, pai e filho, que na sequência de um assalto a sua residência reconheceram os elementos da rede de criminosos, pelo que, assustados, balearam o pai e o filho antes da sua retirada", explicou.

Segundo o Investigador Criminal,  o mesmo grupo de 6 elementos, antes de cometer o duplo homicídio, deu andamento a uma série de assaltos no mesmo bairro e na mesma noite.

 "Com recurso a uma motorizada de três rodas, os meliantes roubaram numa residência 360 mil  kwanzas, um TV plasma, dois descodificadores, um da ZAP e outro da DSTV, um computador portátil HP, 3 perucas e diversos pares de calçados”, avançou, salientando que, numa outra residência, o mesmo grupo de malfeitores roubaram 200 e cinquenta mil kwanzas, 4 botijas de gás butano e três telemóveis de diversas marcas.

Sobre a arma de fogo utilizada no homicídio contra os dois cidadãos, pai e filho, o efectivo do SIC revelou que os marginais adquiriram no valor de cinquenta mil kwanzas, nas mãos de um suposto oficial das Forças Armadas Angolanas.

Noutra acção criminal perpetrada por um grupo de 7 elementos, no passado dia 31 de Março do ano em curso, no município do Cazenga, em que uma viatura de marca Yunday, modelo Tucson, propriedade de uma empresa de segurança privada, foi emboscada tendo feito duas vítimas mortais, o segurança da referida empresa e um outro cidadão funcionário de um armazém no Hoji-ya-Henda, quando faziam o transporte de quatro milhões cento e oitenta e quatro mil kwanzas com destino a uma das agências bancárias do Cazenga, Carvalho explicou que  "as duas vítimas mortais estavam a ser seguidas desde o armazém até ao local em que foram interceptados com fortes disparos.

“Na acção”, disse, perderam a vida os cidadãos de 43 anos, Gaspar Nunes, funcionário da empresa de segurança e Dadão Faya funcionário do armazém.

 Já no bairro Prenda, Rua 1, registou-se no passado dia 5 do mês em curso, um crime de homicídio, por questões passionais, tendo sido vítima a cidadã Mariza Francisco Lopes, de 28 anos de idade, por agressão física praticada pelo seu marido, um cidadão de 44 anos de idade, Já detido.

Você pode partilhar este post!




Artigos Relacionados