Detida mulher que matou vizinho com um golpe durante uma briga - Na Mira do Crime
Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

URGENTE: Acidente de viação no Patriota envolvendo 4 viaturas mata efectivo da PNA Governador de Luanda faz primeira visita de auscultação Detido cidadão que matou amigo e tentou desfazer-se do corpo queimando-o com plástico Fim de 'Balotelli' - Líder do grupo UTC morto à facada e cortado pénis pelo grupo rival
×

Detida mulher que matou vizinho com um golpe durante uma briga

Detida mulher que matou vizinho com um golpe durante uma briga


Quatro cidadãos nacionais com idades compreendidas de 18 e os 56 anos de idade, foram detidos pelo Serviço de Investigação de Criminal (SIC), em coordenação com a Polícia Nacional, durante uma micro-operação realizada nos dias 12 e 15 de Agosto do ano em curso, nos bairros do Kijoão Mendes e na comuna do Kicabo, na cidade de Caxito.

Por: Belchior Resende

Os detidos, segundo Gaspar Luís, director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação do MININT-Bengo, são acusados de crimes de homicídio e furto de aparelho Bluetooth na via pública.

Entre os acusados, consta uma cidadã nacional de 56 anos de idade, detida na comuna do Kicabo, acusada na prática do crime de homicídio em que foi vítima um cidadão nacional, por sinal seu vizinho, durante uma briga entre os dois, iniciada quando a referida cidadã terá esbofeteada a filha do malogrado, por alegada falta de respeito e esta chamou o pai (malogrado) que ao chegar criou uma discussão gerando uma briga entre os dois, onde a acusada terá desferido um golpe que deixou um mal-estar ao malogrado, que o levou a ser transferido para o Hospital Geral do Bengo, onde ficou internado e acabou por falecer.

Foram ainda detidos três cidadãos com idades entre 18 e os 22 anos, acusados de furto de um aparelho Bluetooth, telemóveis e ofensas graves à integridade física em que foi vítima um cidadão que transitava na via pública, no bairro Kijoão Mendes rua da Lama.

O responsável acrescentou ainda que, os acusados, serão presentes ao Ministério Público para ulteriores trâmites processuais.

Você pode partilhar este post!




Artigos Relacionados