SIC detém três cidadãos por crime de agressão  sexual a menor de 16 anos - Na Mira do Crime
Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

Capturados marginais que violaram professora de 54 anos de idade, vítima foi golpeada com martelos na cabeça TALATONA: Marginais vestidos com coletes do SIC sequestram irmãs e pedem resgate de 2 milhões de Kwanzas DIIP-Zango detém marginal altamente perigoso de nome “Boutique” Grupo de marginais “Craveras” e “Os Tribunais” controlam parte do Zango 4
×

SIC detém três cidadãos por crime de agressão  sexual a menor de 16 anos

SIC detém três cidadãos por crime de agressão  sexual a menor de 16 anos


Namorado da irmã e seus comparsas violaram uma menor de 16 anos de idade, no interior de uma residência, na cidade de Malanje. Os mesmos já estão a contas com a justiça.

Por: Ngunza Chipenda 

O Serviço de Investigacão Criminal (SIC), em Malanje, no âmbito do combate à criminalidade, consubstanciado nos crimes de “abuso sexual de menores”, fruto de um trabalho aturado de inteligência criminal, levado acabo no centro da cidade de Malanje, concretamente no bairro Canambua, deteve na tarde de sábado (09), três cidadãos nacionais identificados por António  Avelino, Ricardo Manuel Guimarães e Joaquim Sulula Júlio, com idades compreendidas entre 20 e 24 anos, implicados na prática de crime de agressão sexuala menor.

Os factos produziram-se quando a lesada se achava na residência dos seus tutores, tendo sido orientada pela irmã para ir buscar o telefone que se achava em posse de um dos acusados, seu suposto namorado.

Posta no local, sob ameaças, foi projectada no solo pelo mesmo indivíduo, que a despiu e abusou-a sexualmente, sem uso de preservativo. Os co-autores, ao aperceberem-se do acto ilícito, auxiliaram e trancaram a porta do domicilio, onde a mesma estava a ser violentada. Após o acto meteram-se em fuga.

Inconformada com o comportamento dos meliantes, dirigiu-se ao piquete do SIC onde formalizou a queixa-crime

Após diligiências efectuadas pelo efectivos do SIC foi possível localizar e deter os implicados. Os presumiveis autores serão presentes ao Ministério Público para responsabilização criminal.

 

Você pode partilhar este post!




Artigos Relacionados