Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

UNITA mantem Congresso para Dezembro e suspende militantes que impugnaram o processo   DIIP desmantela rede de tráfico de seres humanos Mais de 90 quilos de cocaína e crack incinerados pelo SIC Segurança encontrado morto com tiro na cabeça no Cazenga
×

Parlamentares da UNITA defendem OGE que privilegia saúde e educação

Parlamentares da UNITA defendem OGE que privilegia saúde e educação


A sensivelmente um mês da entrada na Assembleia Nacional da proposta de OGE de 2022, o Grupo Parlamentar da UNITA exorta o Executivo para que nele se faça um incremento absoluto das verbas para os sectores da saúde e educação de acordo com as percentagens recomendadas pela SADC.

Por: Lito Dias

Em comunicado enviado esta quarta-feira ao NA MIRA DO CRIME, o Grupo Parlamentar da UNITA (GPU) saúda e encoraja os profissionais da saúde e outros que, apesar das dificuldades, continuam empenhados no combate contra a Covid-19 e outras doenças.

No documento, o GPU diz estar a acompanhar "com bastante preocupação" os últimos desenvolvimentos sobre o estado epidemiológico da Covid-19 em Angola, com o aumento de casos de infecção e mortes.

"O registo de mais de 100 óbitos nos últimos oito dias por Covid-19, deve chamar a atenção de todos, Executivo e demais actores da sociedade, para a necessidade de se redobrarem os esforços de prevenção e combate a pandemia de maneira a controlar este surto”, refere. No entanto, apesar deste aumento da incidência da Covid-19, o Grupo Paramentar da UNITA considera que "eventuais medidas restritivas capazes de comprometer em larga escala a economia têm que ser devidamente ponderadas, pois acabam contribuindo para acentuar os índices de desemprego, a fome, a pobreza e a miséria, aumentando com isso o sofrimento das populações".

Para os Parlamentares o outro aspecto do Combate a Covid-19 que deve merecer atenção redobrada é a campanha de vacinação, cuja componente de informação e comunicação deverá de igual modo ser intensificada, com vista a afastar receios infundados que tendem a aumentar o número de refratários a vacina.

Você pode partilhar este post!




Artigos Relacionados