Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

Militares do Burkina Faso confirmam tomada de poder e dissolução de Governo e parlamento Huíla: Secretário da UNITA acusado de burla afastado do partido Luanda comemora hoje o 446º aniversário Detido director-adjunto da escola “Povo em Luta” por engravidar e provocar aborto de uma aluna de 14 anos de idade
×

Marcy Lopes constata funcionamento dos BUAPs em Viana

Marcy Lopes constata funcionamento dos BUAPs em Viana


O Ministro da Administração do Território, Marcy Cláudio Lopes visitou ontem, quarta-feira, 01, o município de Viana, com vista a aferir as condições de funcionamento do Balcão Único de Atendimento ao Público  (BUAP) no município satélite.

Por: Matias Miguel

Depois de passar pelos Buaps dos distritos urbanos do Kikuxi, Zango e Baia, o dirigente disse que até ao momento o Executivo atingiu o propósito inicial, que era a implementação de 500 e noventa e seis Buaps.

 “Mas a terceira fase é continuada, não se encerra. A medida que formos sentindo a necessidade de aumentar Buaps em determinado local, será implementado na terceira fase”.

 O governante reconhece a existência de constrangimentos do sinal de internet em alguns BUAPs, e disse estarem a melhorar a situação, com instalações de antenas satélites.

Para quem não mudou de local de residência desde 2017 e que tenha sido registado nos processos anteriores, e tenha votado, não precisa actualizar o seu registo eleitoral, porque o seu registo mantem-se actualizado.

De qualquer, forma o ministro disse que está  disponibilizado uma linha de Call Centre (136), para esclarecimento de todas as dúvidas relacionadas com o processo.

“Temos ainda um aplicativo para aceder o motor de busca onde inclui o número do bilhete de identidade, ou do cartão do eleitor e a data de nascimento, e dará a referência do local onde está registado”.

O MAT diz que está a emitir cartões de eleitor apenas para zonas de difícil acesso, onde não existem serviços de tratamento de Bilhete de Identidade.  Nas próximas eleições, será permitido que se exerça o direito de voto com o Bilhete de Identidade.

Segundo Marcy Lopes, a perspectiva é que até 2027 o país deixa de usar completamente cartões de eleitores.

Aprovado pelo Decreto Presidencial 131 /19 de 8 de Maio, o Balcão Único de Atendimento ao Público tem o objectivo de atribuir o cartão do leitor, emissão do BI a partir do cartão do leitor e a emissão excepcional do cartão de leitor ( em zonas não cobertas pelos serviços do BI)

Você pode partilhar este post!




Artigos Relacionados